quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

O que fazer após a independência financeira?

Olá aportadores,


Geralmente a blogosfera trata da questão da independência financeira como um objetivo de longo prazo a ser alcançado e a maior parte do público são pessoas que querem enriquecer com seus investimentos mas ainda tem um longo caminho pela frente. Ok, mas e se você já chegou lá? O que fazer?



É muito importante que o lado psicológico do investidor esteja preparado para ser financeiramente independente; afinal você terá muito mais liberdade para fazer o que quiser, trabalhar com o que quiser e ter a vida pessoal mais apropriada para o seu perfil. Entretanto, a riqueza por si só não trará a felicidade automaticamente. Pelo contrário, ela irá expor de forma mais clara os problemas que você possui no restante da sua vida.

Veja só o cenário padrão: as pessoas passam a maior parte da vida trabalhando e pagando contas. Uma das maiores preocupações das pessoas comuns é justamente com o próximo salário que em geral acaba mais rápido que o mês. Muitos adultos dedicam toda a sua vida até a aposentadoria dentro da famosa corrida dos ratos. A corrida dos ratos acaba se tornando o estilo de vida padrão que vemos em todas as pessoas ao nosso redor. Com qual frequência ouvimos as pessoas reclamando da falta de dinheiro no dia-a-dia? Acredito até que muitos casamentos infelizes persistem justamente por questões financeiras (um depende do outro financeiramente para poder sobreviver e continuam na união insatisfatória por conta disso).

Ao conquistar a liberdade financeira todos esses problemas que as pessoas ao seu redor enfrentam por não saberem lidar com o dinheiro desaparecem da sua vida. Porém, outros problemas podem "preencher" esse vácuo com maior intensidade. Um relacionamento monótono pode se tornar um relacionamento muito infeliz se o(a) parceiro(a) não corresponde as suas expectativas. Seu emprego pode se tornar sem sentido pois você não depende mais daquele dinheiro e não sente que faz algo de útil ou satisfatório com seu tempo. Suas amizades podem se tornar vazias pois você não tem com quem conversar sobre seus investimentos e seus planos, já que todos estão presos na corrida dos ratos.

Veja só o que acontece na vida de pessoas ricas e famosas. A liberdade proporcionada pelo dinheiro acaba destruindo as pessoas de mente mais fraca. Alguns entram para uma vida hedonista de luxo, ostentação e desprendimento de qualquer valor ético e moral que seja um obstáculo para seus impulsos. Outros se afundam em vícios e relacionamentos curtos e destrutivos. Outros se sentem até mesmo culpados por terem tanto e buscam desesperadamente um sentido maior para suas vidas, geralmente se tornando parte do "esquerdismo caviar" como caminho mais fácil (o jeito mais fácil de poder aproveitar seu jatinho particular altamente poluidor sem remorso é militar contra o aquecimento global ao estilo Leonardo DiCaprio).



Pessoas comuns geralmente não se dão ao luxo de estragarem suas vidas dessa maneira por não terem tempo e dinheiro em abundância e estarem presas a rotina de trabalho e salário. Quantas pessoas você conhece que se ficassem milionárias amanhã com certeza torrariam o dinheiro de forma imprudente com decisões estúpidas? Se até mesmo nós que dedicamos boa parte da nossa vida em aprender a lidar com o dinheiro corremos o risco de desvirtuarmos as nossas vidas ao obter a riqueza, imagine colocar esse poder nas mãos de pessoas que jamais fizeram um simples orçamento doméstico.

As pessoas comuns vivem vidas menos ambiciosas. Casam com pessoas comuns sem ambição, vivem cercadas de colegas e amigos comuns sem ambição. Já quem busca a independência financeira acaba virando um ponto fora da curva e tem dificuldade de se encaixar nos meios sociais tradicionais. Quando o dinheiro não é um problema na sua vida, as pessoas que possuem problemas com o dinheiro podem acabar te prejudicando involuntariamente. Quantas vezes você já não se irritou ao ver alguém reclamando de dinheiro enquanto gasta tudo de forma estúpida com um estilo de vida que não condiz com o patrimônio? Quantos problemas familiares acontecem por causa da falta de dinheiro ou da imprudência de um parente que vive sustentado pelos demais?

É importante preparar a mente para estar preparado pro caso de uma eventual riqueza assim como para o caso de um revés financeiro. Nas outras áreas de sua vida você está caminhando para o rumo que gostaria? A pessoa que está ao seu lado será um aliado ou um problema quando você ficar rico? Sua família é interesseira e vai te procurar buscando favores? Seu emprego te satisfaz ou você pretende largá-lo? Se largá-lo, vai fazer o que no tempo livre? Irá fazer trabalhos voluntários para ajudar as pessoas necessitadas ou tentar passar seu conhecimento financeiro para quem precisa? Qual será sua filosofia de vida? A religião terá um papel para te ajudar no seu crescimento espiritual (no sentido mais amplo da palavra)? Você quer constituir família e filhos ou se desprender do padrão geral?


Abraços!

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Islã

Hora de polêmica!

O mundo está sendo invadido pela onda mais estúpida de esquerdismo que a humanidade já vivenciou e cujo objetivo principal é destruir completamente a sociedade ocidental que foi criada com base na cultura judaica/cristã.
A esquerda mundial fez o alinhamento mais bizarro já visto na intenção de detonar o capitalismo e conquistar a tão sonhada igualdade universal que nos tornará formigas a serem adestradas por um Estado gigante e totalitário: a promoção do islamismo e a invasão da Europa por seus seguidores de forma massificada e sem controle.
Antes de reclamarem da crise dos refugiados, alguns dados bastante relevantes:
60% dos imigrantes que chegam a Europa não são refugiados. Estão apenas saindo de sua terra natal para tentar a sorte em um país melhor.
Grande parte desses imigrantes são homens jovens fortes em idade militar. Aquela imagem romantizada das famílias com crianças fugindo da guerra infelizmente é a grande minoria. O que temos ali são possíveis soldados invadindo o território europeu no maior cavalo de tróia já visto pela humanidade.

Por que a esquerda está promovendo essa agenda?

Esquerdistas em geral odeiam todos os valores que fazem o ocidente tão bom: propriedade privada, acumulação de capital, cristianismo, família tradicional. Todos esses elementos que moldaram boa parte da cultura são obstáculos para uma agenda socialista onde o Estado deveria ser o Deus da civilização, cuidando de todos com a ternura de um pai carinhoso.
Os jovens de hoje vão para a faculdade para aprender que são seres especiais e que o mundo é um lugar mágico onde todos os problemas podem ser resolvidos transformando os humanos em formigas sem pensamento livre, submetidos a um poder central que irá ditar todas as regras de nossa vida, nos colocando em uma realidade utópica maravilhosa onde todas as injustiças serão eliminadas.
A estupidez da esquerda é tamanha que o uso da burca está sendo promovido como um sinal de empoderamento feminino. Qualquer criança de 7 anos consegue ser mais coerente do que o discurso esquerdista que está sendo aplicado para promover o islamismo.
A verdade é que o islamismo está sendo usado como uma ferramenta da esquerda para conseguir atingir a maldita sociedade igualitária que tanto sonham, destruindo todos os valores que moldaram o ocidente. A promoção da agenda maldita que consegue ao mesmo tempo promover o extremo-feminismo e defender que o povo aceite seus bairros, escolas e igrejas sendo invadidas por uma cultura machista repugnante que os odeia e os enxerga como infiéis.

Quais são as consequências?

Bairros tomados por muçulmanos que não aceitam outra lei a não ser a Sharia (lei islâmica).
Mulheres sendo estupradas e molestadas ao andarem na rua.
Mulheres sendo agredidas violentamente por muçulmanos.
Crianças sendo abusadas e parques sendo tomados por adultos violentos.
Bairros sendo invadidos por passeatas de muçulmanos violentos.

Tudo que estou falando aqui é real e pode ser conferido nos vídeos abaixo, para quem acha que está havendo algum exagero ou teoria da conspiração.















Alguns idiotas dizem que devemos respeitar todas as religiões e alguns chegam a dizer que o islamismo não é muito diferente do cristianismo, que também promoveu guerras e conflitos no mundo inteiro. Temos abaixo o vídeo de um muçulmano convertido que explica com mais detalhes as diferenças entre cada religião. Vejam até o final.





Essa é a crise mais grave que está crescendo diante de nossos olhos e basicamente todos os líderes mundiais estão pouco se importando com isso, pois atende aos objetivos da esquerda. A maioria dos países islâmicos não são democráticos, com seus líderes vivendo na riqueza absoluta enquanto o povo se satisfaz com a cultura bárbara promovida pelo alcorão. Um prato cheio para todos os amantes de ditaduras como o patético primeiro-ministro canadense.





Em pouco tempo a Europa será de maioria islâmica e todos os IDIOTAS ESQUERDISTAS que lá vivem terão de fugir para qualquer país civilizado que ainda os receba, quando perceberem que seus cartazes de apoio à imigração descontrolada serviram apenas para que o vizinho gay fosse condenado à morte pela Sharia, que suas mulheres perdessem o direito de andar livremente e que o vazio do secularismo fosse tomado por uma religião que promove o ódio e a destruição de todos que não a seguirem.


As perguntas que ninguém está fazendo pois o politicamente correto não permite:

  • Como poderemos integrar a uma sociedade livre, com liberdade religiosa, sem interferência da igreja com o Estado, uma outra cultura que prega uma religião única, a morte dos infiéis, e um código de leis a serem seguidos completamente incompatível com a nossa?
  • O que acontecerá quando eles se tornarem a maioria em uma sociedade cuja taxa de natalidade é de 1,8 crianças por casal enquanto a deles é de 8,1?
  • Até onde podemos ceder ao "costume religioso" quando isso entra em conflito com as leis que moldaram a sociedade livre?
  • Qual o impacto no desenvolvimento de uma sociedade ao incluir uma cultura que tem aversão pela ciência e parou no tempo?


Amiguinhos esquerdistas, saiam da bolha em que vivem e lutem para que a sociedade ocidental que vocês tanto amam odiar não seja realmente destruída por uma cultura bárbara que trará o fim de toda a liberdade que vocês tanto valorizam antes que seja tarde demais.

O autor dessa tirinha genial teve sua conta no Twitter suspensa sem maiores detalhes, provavelmente por ofender os esquerdistas que comandam a empresa. Ele continua no gab.ai.






terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Fechamento do mês - Jan/17

Saudações visitantes!

2017 começou e já deu pra sentir o gosto do que está por vir o resto do ano: crise, crise e mais crise.
Em São Paulo, João Dória faz o que o PT não está acostumado: trabalha! E a imprensa, é claro, cai matando em cima. Foi pra cima dos pichadores nojentos e a imprensa os tratou como artistas. Fez parcerias privadas com empresas ao invés de torrar nosso dinheiro e os jornas reclamaram. Impressionante. Só mesmo sendo maconheiro e dando o cu pra agradar essa galera.

No Brasil tudo continua a mesma merda, os juros caíram, o mercado se empolgou, eu ainda estou cético: vai dar merda se o governo não parar de gastar que nem um desgraçado. O Estado continua devorador de todos os recursos e o povo continua na merda, empresa continua sem capital de giro, imposto e mais imposto todo dia e etc.

No mundo, o efeito Trump dá as caras em todos os telejornais. A imprensa já mostra que cada peido que Trump der será acompanhado de muita encheção de saco, protestos, black blocs, ONGs, feministas, aborteiros, manginas, LGBTXYZ e toda a modern society barulhenta que faz auê demais enquanto as pessoas normais trabalham e tentam tocar suas vidas de forma digna.
Trump proibiu a imigração de 7 países considerados por Obama altamente perigosos por alguns meses? Islamofobia! Obama revogou a lei dos pés descalços, que garantia cidadania a todos os cubanos que conseguiam fugir da maldita ilha dos Castro? Nem um pio. Trump não quer que aconteça com os EUA o que está acontecendo com a Europa? Monstro! Obama bombardeou por 8 anos esses países que agora enviam refugiados pro mundo todo? Ah deixa pra lá...

O duplo padrão da imprensa engatou a quinta marcha e agora parece que já não existem mais máscaras a serem derrubadas. Trump se transformou no vilão perfeito para todos que engolem as notícias do mainstream. Esquecem de mencionar que metade dos EUA votaram nele! A mongolice dos artistas e jornalistas que atacam Trump o tempo todo vai ser a ruína dessa gente. Trump tem inúmeras falhas: é arrogante, egocêntrico, prepotente e protecionista. Mas o jogo sujo dos jornais chegou ao cúmulo do ridículo e o mandato dele mal começou.

Meu palpite: o FED criou a bolha de crédito que vai levar a economia dos EUA pro buraco e agora com Trump no poder e toda a imprensa contra ele, basta estourar a bolha e apontar o dedo. A narrativa vai culpá-lo de toda a crise que está por vir e que está sendo alimentada durante anos, abrindo caminho para um novo esquerdista assumir o poder no próximo mandato.

Só nos resta rir com toda a imprensa brasileira que consegue fazer um trabalho muito pior falando dos EUA do que quando falavam do PT.

Bom, esse é o tom de 2017. Vamos ao fechamento:

O mês foi muito bom. Aportei pouco porém foi o esperado pois janeiro tenho muitos gastos sempre. Os Bitcoins sofreram uma correção muito forte e muito rápida no começo do mês e chegaram a devolver todos os ganhos das últimas semanas de 2016. Quando a queda começou eu liquidei toda a minha posição e depois recomprei tudo de novo quando reestabilizou. Nisso eu consegui multiplicar meus bitcoinzinhos e no final um bom lucro no mês com eles. O TD também disparou (apesar de eu não contabilizar, eu contabilizo o rendimento proporcional até o vencimento usando uma planilha doida) e os FIIs graças à queda de juros maior.

De resto é resto, estou estudando outros produtos financeiros como o Biva e o Urbe.me, dêem uma olhada, é bem legal. Acho interessante colocar o dinheiro para trabalhar com empresas de verdade ao invés de ficar jogando só no Tesouro e alimentando o governo.

Resultado do mês:

Aporte: R$ 300,00
Evolução: +3,15%


Abraços e bons investimentos!





quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

PagPouco.com

Post rápido para dar uma dica muito boa para economizar no supermercado: o site pagpouco.com:


Descobri ele recentemente e já estou usando bastante. O site compara preços nos mercados da sua região, permite que você faça sua lista de compras, crie alertas de preço para os produtos que quer pechinchar e faz a comparação de preço de forma bastante precisa.

O que eu mais gostei é que depois que você monta a lista, você tem a opção de ir no mercado onde você irá comprar tudo mais barato, ou então a opção de ir em vários mercados diferentes, pegando a pechincha de cada um. Cara, eu esperei a vida toda por um site desse rs. Tem versão pra celular também, funciona legal.

Fiz a propaganda de graça aqui pois eu achei a idéia e a execução fantásticas, não sei se cobre ainda muitas regiões, mas é revolucionário. Dá pra economizar uma boa grana por mês.

Abraços!

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Novatos em finanças



Percebo a cada dia mais como o brasileiro médio é muito mas muito amador em qualquer coisa relativa a finanças. Quem está acompanhando a alta do bitcoin recentemente deve ter visto que a moeda disparou desde metade de dezembro, hoje caiu um bocado, e amanhã sabe-se lá o que vai acontecer. Esse comportamento é natural no livre mercado e vemos isso diariamente em ações, opções, moedas e etc.

Como eu já invisto desde os 20 e já fiz várias cagadas vergonhosas estou bastante acostumado com a oscilação de tudo e após ler bastante sobre o mercado, investimento a longo prazo, entender um pouco de análise fundamentalista e principalmente pela própria experiência de erros que me fizeram aprender bastante, não ligo muito para isso e procuro fazer o essencial que é tentar não achar explicações racionais para os movimentos de curto prazo, pois qualquer mercado é a soma de inúmeros agentes (pessoas e empresas) cada um com seus próprios objetivos, pensamentos e convicções, jogados em um ambiente de livre troca, que forma e desforma tendências como ondas.

Dito isso é muito triste perceber o amadorismo do brasileiro médio relacionado ao mercado de ativos. Quando tento dar dicas para os amigos e colegas, as perguntas sempre são as mesmas:

"Mas eu posso perder dinheiro?"
"Mas e se cair a cotação?"
"Não é muito arriscado?"

O medo da perda é absurdo entre as pessoas que nada tem. Essa é a parte mais irônica de comparar investidores com não-investidores. As pessoas que não possuem nada de patrimônio morrem de medo de ter algum um dia e perder uma parte dele do dia pra noite com a queda de alguma ação ou desvalorização de um título do tesouro direto.

Lembro dos fóruns da ADVFN que frequentava quando comecei a tentar fazer trades. Achava como todo novato que o mercado era fácil de ser domado, e que eu iria multiplicar aqueles 5 mil que eu tinha acumulado muito rapidamente. Lá era dominado por malucos como eu na época e traders frustrados que perderam fortunas e tentavam desesperadamente recuperar o dinheiro. Além dos espertões que passavam o dia gritando e propagandeando o mico que possuíam em mãos tentando criar um movimento de compra ou algo do tipo.

Felizmente caí fora daquele lixo logo no começo e passei a ler, ler e ler muito sobre investimentos. A pressa de querer ganhar me fez perder muito pois eu pulei a etapa mais importante que é estudar a fundo em obras de boa qualidade ao invés de fóruns e porcarias da internet.

Hoje vejo o mesmo movimento principalmente nos fóruns e grupos sobre bitcoin. Tem maluco abrindo tópico perguntando se acham que a moeda vai subir ou cair. Ou a galera que mete o pau no cara que alerta sobre o movimento de compra exagerado e a tendência de correção no curto prazo. As discussões são tão estúpidas que às vezes caio na risada, mas percebo que por trás disso existe uma cultura hedonista que hoje preenche todo o espaço brasileiro baseada no consumo desenfreado, no viver pelo prazer instantâneo e na perda de hábitos como apreciar arte de qualidade e estudar através de livros. A pessoa quer que o dinheiro dela suba sem parar e age com a emoção, pois não possui nenhum alicerce baseado na razão quando faz uma compra ou venda.

Somos um povo que lê muito pouco (quando sabe ler alguma coisa), não poupa nada, ouve lixo e tem fé no governo, uma receita que vai nos condenar ao fracasso e a estupidez financeira por muitos anos ainda.



domingo, 1 de janeiro de 2017

Fechamento do mês - Dez/16

Feliz Ano Novo!

Que 2017 seja um ano ainda melhor para nós investidores em todos os aspectos.
Que todos nós possamos seguir firme com nossas estratégias de crescimento financeiro e pessoal.

Resumão 2016: destruição do PT, recuperação tímida da economia, valorização da bolsa, establishment sendo destruído na Europa e EUA, esquerdistas demonstrando seu desprezo pela democracia, Mohammeds explodindo e fuzilando pessoas... enfim realmente foi um ano longo e bastante turbulento, mas financeiramente foi muito bom pra muita gente.

Por aqui realmente foi muito bom. 2016 foi um ano onde eu adotei uma estratégia bastante conservadora com ativos brasileiros, focando somente em Tesouro Direto e FIIs, mas bastante agressivo com os Bitcoins, moeda que eu resolvi aportar pra valer ano passado.

E o resultado não poderia ter sido melhor. Nesse mês de dezembro, a cotação em reais saltou de R$ 2606 para R$ 3400! Esse boom da moeda fez com que eu conseguisse meu melhor mês de todos os tempos, em um mês onde eu não consegui fazer aporte nenhum pois tive uma série de gastos extras com empréstimos e viagens.

Com isso eu finalmente atingi o tão esperado meio milhão e ainda com uma boa folga. 2016 foi um ano muito bom!

Curiosidades: esse ano eu aportei muito pouco comparado aos outros anos, porém o rendimento da carteira foi muito alto, mostrando que depois de alguns anos sofridos de aportes grandes que exigem muitos sacrifícios, você pode chegar na casa dos 30 anos respirando bastante aliviado pois o bolo formado começa a gerar dinheiro automaticamente. Em termos proporcionais, de todo o montante que meu patrimônio cresceu em 2016, 20% veio de aportes e 80% de rendimentos!

Graças a isso pude fazer uma viagem tranquila para um lugar muito bonito, ao contrário dos meus amigos endividados que passaram sufoco o ano inteiro e não puderam fazer nada sem entrar em novas dívidas. Aproveitei muito, comi em lugares fantásticos e não pesou no bolso. Aporte desde cedo para poder ter esse tipo de experiência. É muito bom ver e aproveitar os frutos da disciplina financeira.



Estratégia para 2017? Ainda estou pensando... vou liquidar uma boa parte da minha posição em Bitcoins e transformar em FIIs e TD. Depois disso vou ver se vale a pena formar uma carteira de ações. Talvez eu compre algum produto da Empiricus pra me ajudar com isso (aceito sugestões).

Eis o fechamento do mês e do ano:

Evolução do patrimônio anual: 35,24%
Evolução no mês: 5,34%


Abraços e excelente ano para todos!



segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Que venha 2017!

Olá blogosfera! Espero que todos tenham tido um excelente natal com a família!

Passando para desejar a todos os amigos da blogosfera um excelente ano novo. Que 2017 seja um ano ainda melhor para nossas estratégias de investimento, que a economia do país se recupere e que os menos favorecidos consigam finalmente sair do sufoco deixado por anos e anos do lulopetismo e de governadores e prefeitos corruptos e irresponsáveis com o dinheiro roubado dos pagadores de impostos.

Vejo muitas pessoas reclamando com muito mimimi sobre 2016. Eu vejo esse ano como excelente. Duros golpes na esquerda mundial, queda da Dilma, ativos deram uma boa recuperada, Bitcoin acaba de romper a casa dos 900 dólares. Todo ano tem seus problemas mas aquela nuvem negra do PT pelo menos saiu de nossas vidas por enquanto e isso já deu uma boa aliviada nos ares, mas ainda falta muito (MUUUUITO) para que essa terra zuada que é o Brasil possa ser um bom lugar para se viver. Ainda tem muita sujeira pra ser varrida, muito pseudo-intelectual ditando regra no noticiário, muito lixo cultural sendo empurrado e como sempre muita ignorância sobre educação financeira. A economia ainda está na merda e o governo Temer tem mostrado sinais de incompetência total pra conseguir reverter a situação.

Muitos blogs excelentes tem despontado por aqui e é muito legal poder participar dessa comunidade mesmo que de maneira tímida. O foco aqui tem sido estudar cada vez mais sobre os Bitcoins e o movimento disruptivo pra economia que a tecnologia vem trazendo. Por isso, vale a pena relembrar a série que fiz sobre bitcoins ano passado:

[Bitcoins] Parte 1: Um novo modelo de moeda

[Bitcoins] Parte 2 - Criando a carteira e transformando Real em Bitcoin

[Bitcoins] Parte 3 - Conversão de moeda e cartão de crédito pré-pago

Em breve farei um novo post trazendo mais novidades como fazer compras na Amazon usando bitcoins com desconto e também novos produtos que utilizam a tecnologia.

Se seu negócio é videogame confira o post sobre como montar seu próprio console de baixo custo com Raspberry Pi:

Como fazer seu próprio videogame baratinho com Raspberry Pi




Abraços e feliz ano novo a todos!